Manter a organização e seguir todas as normas de segurança do trabalho em um canteiro de obras é fundamental para que um empreendimento possa ser finalizado com qualidade e sem atrasos. Nesse contexto, ganha destaque o tema sobre a Análise Preliminar de Risco (APR) no canteiro de obras.

Seja em um projeto de construção de grande porte, seja apenas em uma pequena reforma, assegurar que todos os colaboradores possam trabalhar com segurança e conforto é indispensável. Desse modo, além de garantir o bem-estar dos colaboradores, vale lembrar também que acidentes de trabalhos são evitados.  

Neste post, você vai saber mais sobre o que é APR no canteiro de obras, como ela é feita, seus benefícios e outros reflexos para a segurança do trabalho. Acompanhe!

Conceito de APR

A Análise Preliminar de Risco tem como objetivo identificar previamente em um ambiente de trabalho todos os potenciais riscos ao colaborador. Essa tarefa de se antecipar aos riscos é necessária para que todas as medidas de segurança cabíveis sejam providenciadas pelo empregador. 

Em outras palavras, a APR é uma poderosa ferramenta de segurança preventiva do trabalho com a metodologia de, primeiramente, saber com exatidão a natureza e o local dos riscos ocupacionais para, posteriormente, elaborar planos e ações que os reduzam e os eliminem.

Importância da APR no canteiro de obras

Além do intuito de identificar riscos, a APR visa igualmente promover projetos internos que orientem aos colaboradores sobre segurança do trabalho em geral.

Outro ponto relevante sobre a APR é o seu caráter de prevenção aos acidentes de trabalho ocorridos em um canteiro de obras. Isso porque uma vez que todos os riscos ocupacionais já estão previamente identificados, bem como as medidas para reduzi-los também já providenciadas, as chances de ocorrer um acidente em uma obra diminuem consideravelmente. 

Elaboração da APR

Já que é um documento que está relacionado com a segurança e o conforto dos colaboradores, a APR precisa ser elaborada por um técnico ou engenheiro de segurança do trabalho. 

Além disso, para que a emissão desse documento seja feita da maneira mais adequada possível, é interessante que a empresa invista na infraestrutura do setor de segurança do trabalho. Dessa forma, técnicos e engenheiros poderão contar com mais recursos para a identificação e mensuração dos riscos presentes na obra. 

Riscos em um canteiro de obras 

São vários os riscos encontrados em uma construção, cabendo pautar os seguintes:

Risco físico

Há muitas tarefas em uma obra que exigem esforço físico (carregar um saco de cimento, manusear ferramentas pesadas, deslocar equipamentos etc.). Dessa forma, os colaboradores sempre estão expostos a lesões musculares e a impactos em geral. 

Risco químico

Desempenhar atividades em um local onde há presença de cimento, cal e outras substâncias que liberam pó pode representar sérios riscos à saúde dos funcionários. Isso porque quando inalados em grande quantidade o colaborador corre o risco de desenvolver doenças pulmonares, além de, é claro, prejudicar a respiração.  

Como é feita a APR no canteiro de obras 

Uma obra é composta de várias etapas, as quais exigem diferentes metodologias de trabalho e consequentemente representam diferentes riscos ao colaborador. Ou seja, os riscos ocupacionais que um trabalhador está sujeito na etapa de fundação não necessariamente são iguais aos que são encontrados na fase de demolição, por exemplo. 

Sendo assim, a Análise Preliminar de Risco precisa ser elaborada sempre que surge uma nova demanda ou situação. Isto é, como sempre há mudanças nas características das atividades técnicas desempenhadas no canteiro de obras, provavelmente os riscos ocupacionais também sofrerão modificações (seja no surgimento de novos riscos, seja na intensificação dos já identificados). 

Portanto, ao iniciar uma nova demanda, a APR precisa garantir os seguintes parâmetros para a sua correta realização:

  • identificar locais da obra potencialmente perigosos;
  • listar todos os riscos encontrados;
  • reconhecer as causas e fontes dos riscos;
  • saber com exatidão quais colaboradores estarão expostos aos respectivos riscos ocupacionais;
  • estudar o potencial dano de todos os riscos identificados;
  • mensurar os riscos;
  • elaborar ações e medidas de segurança para o controle de riscos.   

O papel do supervisor de obras 

Como o próprio nome sugere, o supervisor de obras é o profissional responsável por inspecionar o andamento das atividades realizadas pelos colaboradores no canteiro de obras. 

Nesse contexto, é preciso enfatizar que o papel do supervisor de obras vai além da conferência da qualidade ou da avaliação técnica de determinada tarefa. Também faz parte de sua responsabilidade verificar se o ambiente de trabalho oferece as condições indispensáveis de segurança. 

Por isso, é necessário saber com clareza sobre a relevância de se garantir uma APR no momento adequado, até porque o supervisor é um colaborador que além de conhecer em detalhes a rotina de trabalho em um canteiro de obras, saberá identificar com facilidade o período em que será necessário a realização de uma nova Análise Preliminar de Risco.  

Outras medidas preventivas de segurança 

Além de uma APR, cabe frisar outras medidas preventivas de segurança que são aplicáveis em um canteiro de obras. 

Utilização de EPI

É inimaginável um colaborador atuar em um canteiro de obras sem a utilização dos Equipamentos de Proteção Individual. Por isso, além de realizar uma APR, uma construtora também deve ficar atenta à disponibilização gratuita dos EPIs adequados para os seus funcionários.  

Treinamentos 

Procurar treinar a equipe de trabalho em relação a temas como primeiros socorros, uso correto de EPI, manuseio seguro de ferramentas, entre outras medidas preventivas que têm impactos consideravelmente positivos para a segurança do trabalho, fazendo com que a equipe fique mais capacitada e consciente sobre o tema saúde no trabalho. 

Dessa forma, uma vez compreendido o conceito de Análise Preliminar de Risco, bem como entendendo a importância de uma APR no canteiro de obras, fica mais simples mensurar os seus reflexos para a redução do número de acidentes de trabalho na indústria civil. Em outras palavras, é uma medida de segurança imprescindível para qualquer obra. 

O conteúdo foi proveitoso para você? Então, leia mais um de nossos posts sobre o ramo da construção civil e saiba como supervisionar a obra de maneira eficiente.